Ao Som da Chuva

Julho 05 2011

 

Estás tão profundamente em mim
Que já não me recordo
Como era minha vida antes da tua chegada,
E de como será a minha vida
Após a tua partida.
Entre a certeza e a dúvida
Fico a imaginar
O que represento em tua vida.
Se te perguntasse
A resposta poderia soar artificial.
Como não te pergunto,
Tento entender o que diz o teu silêncio.
Assim sigo a viver a nossa história,
Sabendo que há de ti muito em minha vida,
E a pensar no quanto de mim há de existir em ti.
(Aluísio Cavalcante Jr.)

publicado por DN às 20:34

o amor é lindo... por vezes é melhor deixar o rio correr sem interropções, pois dessas interropções pode surgir algo que depois não se consegue emendar... contina vivendo assim sem perguntas nem respostas. apenas vive pois o amor é a melhor coisa do mundo... boa sorte... faz melhor as coisas do que antes....
Anónimo a 6 de Julho de 2011 às 09:34

mais sobre mim
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

17
19
22
23

24
25
27
28
29
30

31


pesquisar
 
blogs SAPO