Ao Som da Chuva

Junho 20 2008

 

As despedidas são sempre momentos muito dificeis.

Que nos magoam,

Que nos deixam tristes.

Que nos deixam com vontade de ter vivido mais do que vivemos...

De partilhar mais do que partilhamos...

De sorrir mais do que sorrimos...

De ser ainda mais felizes do que fomos.

 

As despedidas são dificeis.

As lágrimas caem.

O coração fica apertado.

Partido.

Magoado.

 

Este nosso percurso chegou ao fim...

Agora.... é a despedida...

Espero tornar a reencontrar-vos muitas vezes.

Ficarão para sempre no meu coração

 

pelos bons momentos passados,

pelas grandes gargalhadas,

pelas noites de karaoke,

pelas jantaradas,

pelos trabalhos,

pelo milho frito,

pelo Zeca Afonso.

Enfim... por serem como são...

 

Fico a torcer por vós...

M. e C.

 

Bjinho

 

 

 

 


mais sobre mim
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19

23
24
25
28



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO